Tropas de Israel vigiam fronteira entre Argentina, Brasil e Paraguai

6026

Quatro lanchas artilhadas Shalgag MKII, com tripulação e assessores israelenses, estão desde domingo, 5 de agosto, em Posadas, capital de Missiones, no norte da Argentina, situada na chamada Tríplice Fronteira, com Brasil e Paraguai, com a missão de patrulhar cerca de mil quilômetros nas águas dos rios Paraguai e Paraná. O plano de militarização estrangeira na Argentina é o mais importante que se conhece na história do país e é de responsabilidade do governo Macri, sem autorização do Congresso.

CONTINUE LENDO A MATÉRIA AQUI:

http://www.abjornalistas.org/page.php?news=6026

 

Anúncios

Maduro: atentado de drone é coisa da CIA

5949

Maduro não se feriu

Do Opera Mundi:

Maduro sofre atentado durante discurso na Venezuela; presidente não se feriu

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, sofreu neste sábado (04/08) uma tentativa de atentado com drones durante um discurso que pronunciava em um evento realizado ao ar livre na capital Caracas.

O ministro das Comunicações, Jorge Rodríguez, anunciou que o mandatário está em perfeito estado de saúde e não sofreu ferimentos. No entanto, ao menos sete funcionários do governo ficaram feridos.

Rodríguez disse que o ataque, ocorrido às 17h41 (hora de Caracas, 18h41 em Brasília) aconteceu por meio de detonações feitas por uma série de drones que continham cargas explosivas e que foram direcionadas ao palco onde estavam o presidente.

O evento, aniversário da Guarda Nacional Bolivariana, acontecia na avenida Bolívar, em Caracas, e era transmitido ao vivo na TV. Nas imagens, vê-se que Maduro e os outros participantes no palco inicialmente se assustam com as explosões.

“Fracassaram e seguirão fracassando”, disse Rodríguez.

Em tempo: à Agência Venezuelana de Notícias, o presidente Maduro responsabilizou o “eixo Miami-Bogotá” pelo ataque.

ASSISTA AQUI:

Silêncio do oráculo do império decadente

5933

POR CESAR FONSECA

Certeza da dúvida
Kissinger, oráculo dos presidentes americanos, desde Nixon – espécie de Delfim Netto, por aqui, chamado a palpitar, como garantia de qualidade, como acontecia, antes, com Simonsen –, é um tremendo sabonete.

Prova-o sua sensaboria em entrevista a Edwar Luce, do Financial Times, publicada pelo Valor Econômico, no caderno de cultura semanal EU&..

CONTINUE LENDO A MATÉRIA AQUI:

http://independenciasulamericana.com.br/2018/07/silencio-do-oraculo-do-imperio-decadente/

A verdadeira razão pela qual os EUA precisam falar com a Rússia, por Pepe Escobar

Russian-Navy-960x576

Historiadores do futuro bem poderão identificar o discurso do presidente Putin da Rússia, dia 1º de março de 2018, como um dos marcos que virou o jogo no Novo Grande Jogo no século 21 na Eurásia. Os motivos disso estão detalhados em minúcias em Losing Military Supremacy: The Myopia of American Strategic Planning, um novo livro do analista militar/naval russo Andrei Martyanov.

 

CONTINUE LENDO A MATÉRIA AQUI:

http://blogdoalok.blogspot.com/2018/07/eis-verdadeira-razao-pela-qual-os-eua.html

 

ARGENTINA CONCORDA EM CONSTRUIR BASES NORTE-AMERICANAS EM SEU TERRITÓRIO

5880

O presidente da Argentina, Mauricio Macri, aprovou a construção no país de várias bases militares dos EUA; de acordo com o portal mexicano Aristegui Noticias, trata-se de ao mínimo três bases militares a serem construídas nas províncias de Neuquén (onde fica a jazida de gás de xisto Vaca Muerta), Misiones (onde fica a tríplice fronteira – Argentina – Brasil – Paraguai) e Tierra del Fuego, de onde se pode controlar a Antártida

CONTINUE LENDO A MATÉRIA AQUI:

http://www.abjornalistas.org/page.php?news=5880

LIVRO: Perdendo a Supremacia Militar

2b6cc5b1-8627-421c-99a4-bfbbb3965916

O fato de os EUA enfrentarem profunda crise, possivelmente a pior de sua história, já é aceito pela maioria dos observadores, exceto talvez os mais iludidos. Muitos norte-americanos sabem, sim, disso. De fato, se há alguma coisa com a qual concordam os que apoiaram Trump e os que o odeiam apaixonadamente, será que a eleição dele é prova clara de crise profunda (eu acrescentaria que a eleição de Obama, antes, também teve, como uma das principais causas, a mesmíssima crise sistêmica).
Quando falam dessa crise, muita gente mencionará a desindustrialização, a queda na renda real, a falta de empregos bem remunerados, de serviços de saúde, o aumento no número de crimes, a imigração, a poluição, a educação e muitos outros fatores que contribuem. Mas de todos os aspectos do “sonho americano”, o que resiste há mais tempo é o mito que reza que os militares norte-americanos seriam “a melhor força de combate de toda a história”.
CONTINUE LENDO A MATÉRIA AQUI:

O NOVO IMPERIALISMO

download (3)

MESMO SENDO UM LIVRO PUBLICADO EM 2003 “O NOVO IMPERIALISMO”, DE DAVID HARVEY É DE IMPORTÂNCIA FUNDAMENTAL PARA ENTENDERMOS A ATUAL SITUAÇÃO DA GEOPOLÍTICA NOS DIAS ATUAIS.

Num mundo de mudanças constantes e aceleradas, confusão e preocupação compõem um quadro sempre presente. Percorrendo com facilidade a história, a economia, a geografia e a política, David Harvey responde a algumas interrogações de maneira convincente e original, aliando uma sólida argumentação a uma linguagem proporcionalmente clara. O que faz de O novo imperialismo uma obra indispensável à compreensão dos dramáticos eventos que têm abalado o mundo nos últimos anos, bem como do rumo que podem ou não vir a tomar.

ACESSE O LIVRO AQUI:

http://gege.fct.unesp.br/docentes/geo/bernardo/BIBLIOGRAFIA%20DISCIPLINAS%20POS-GRADUACAO/DAVID%20HARVEY/David%20Harvey%20-%20O%20novo%20imperialismo.pdf